---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Para atender TAC, Unidades de Saúde passam por melhorias

Publicado em 14/05/2020 às 10:51 - Atualizado em 14/05/2020 às 10:52

As Estratégias de Saúde da Família (ESFs), Alfredo Valsechi , do Bairro Jussara, e Antonio Maurício Gomes, do Bairro Naspolini, passam por uma série de melhorias em suas estruturas.

A Ordem de Serviço para as obras foi assinada ainda antes da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), e atende um Termo de Ajuste de Conduta (TAC), assinado junto ao Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), que prevê melhorias na acessibilidade nesses estabelecimentos de saúde.

Para isso, informa a secretária do Sistema de Saúde, Francieli Maragno, estão sendo construídas, entre outras coisas, rampas de acessibilidade, balcões em altura ideal para cadeirantes, sinalização em braille para deficientes visuais e entre outras. "As adequações nas unidades variam. Algumas necessitam de mais ajustes e outras nem tanto. Quando a parte interna precisa passar por obras, a equipe da unidade de saúde é transferida para atender em outra unidade. O tempo pode variar, no entanto, percebemos que tem levado dois dias no que se refere a pintura. Quando isso ocorre,  fica um profissional de saúde no local para receber os usuários que possam vir a buscar atendimento", explica.

Aqueles que chegaram até as unidades de saúde (em obra) é direcionado para o local onde a equipe está atendendo, sendo que, quem não possui veículo próprio é transportado pela Secretaria de Saúde.

Além das obras para atender as normas de acessibilidade vigentes, os locais ganham pintura geral, revitalização dos pátios, adequações para atender normas do Corpo de Bombeiros e outras melhorias pontuais, conforme necessidade específica de cada unidade.

 

 

 


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar